14.3.09

Hospedeira ( Parte I )


hoje ela resolveu bater a minha porta, acredita? achei super fofo ela pedir pra entrar, mas não gostei de me ver numa situação em que era irrecusável eu ter que fazer o convite à ela. ela pediu pra entrar, e eu reforcei a idéia de que queria que ela entrasse. Eu dexei ela entrar aqui.
Ela chegou hoje de manhã. nem café da manha ela não havia tomado. dei minhas lagrimas para ela beber. sua bebida preferida, estranho né?
então ela não se satisfazia. parecia uma fome digna de nômades do deserto. tive de lhe dar mais de minhas lagrimas
Ela terminou e teve uma hora que a saudade disse que precisava de um canto pra durmi. que hoje era sabado e muitos dos amigos dela a rejeitaram para hoje. eu, inocente e fragil, tipica de adolescente dona de casa no interior, ofereci casa, cama e comida, pelo menos até pra hoje a noite

Um comentário:

Paulo Vitor Cruz disse...

aha, e não é que a chica postou a paradinha mesmo...que bacana...

como já havia teclado antes, sou suspeito a teclar de novo a respeito...mas me intriguei com a "(parte 1)" teremos novos capitulos?...risas...

*ah, e gostei muito da fotinha...claro que a modelo ajuda muito...mas essa ficou especial...n sei...pareceu ter alguma coisa a mais...

abs.