29.1.10




-- Já que estamos com um puta desânimo por causa que segunda-feira teremos escola, trabalho e rotina, eu deixo a música, a letra e a melodia... nada de nudez literária ou complexidade da alma.




Pose

Engenheiros do Hawaii

Composição: Gessinger

Vamos passear depois do tiroteio
Vamos dançar num cemitério de automóveis
Colher as flores que nascerem no asfalto
Vamos todo mundo...tudo que se possa imaginar
Vamos duvidar de tudo o que é certo
Vamos namorar à luz do pólo petroquímico
Voltar pra casa num navio fantasma
Vamos todo mundo... ninguém pode faltar
Se faltar calor, a gente esquenta
Se ficar pequeno, a gente aumenta
E se não for possível, a gente tenta
Vamos velejar no mar de lama
Se faltar o vento, a gente inventa
Vamos remar contra a corrente
Desafinado coro dos contentes
Vamos velejar num mar de lama
Se faltar o vento a gente inventa
Vamos remar contra a corrente
Desafinado coro dos contentes.


Um comentário:

Paulo Vitor Cruz disse...

... trabalho, escola, rotina e recomeço.. cada dia um novo... assim como as saudades de vossa pessoa.. cada dia uma nova, naquela espectativa de "hum, será q ela me responde hoje? será q manda um sinal de vida? um aceno? um bom dia? um desaforo? um vale abraço?"...

*recomeçando todo dia as flores do asfalto nos surpreendem como na primeira vez...

abs=ão.