7.7.10

Meu novo Lar


Eu sou da teoria de que toda vez que você encontra uma pessoa marcante na tua vida, você constrói uma casa com ela. Dependendo, nós mulheres enfeitamos demais e construímos um castelo com essa pessoa, e cremos, com todas as nossas forças, que somos a princesinha desse castelo.
Tijolo por tijolo, dia após dia. Pinturas nas paredes, palavras ditas. Móveis embutidos, fatos consumados. Janelas na cozinha, se exala a felicidade.Portas entre os cômodos, janelas entre as pessoas. E assim foi, a gente construiu uma casa juntos.
Quantos sacos de cimento nós gastamos não interessa, concretizamos várias outras coisas que não se manteriam em pé nem com uma tonelada de cimento. Se me perguntarem quantas carriolas tive que usar nessa construção digo que usamos a força humana, tudo no braço, como se não existisse a roda, como se não houvesse outro caminho a não ser o mais desgastante, o mais suado.
Em meio a essa construção da casa mais bela que compõe o condomínio chamado Coração, eu lembro de que algumas casas estão aqui dentro e que precisam de manutenção. Olho ao redor do condomínio e enxergo casas nem prontas ainda, vejo casas em estado de calamidade, e poucas casas estão tão boas quanto a que eu estou construindo com ele.
Há algumas casas que tive que expulsar moradores, a força mesmo!
Há algumas casas que eu choro quando lembro que os moradores só foram embora por causa de um encanamento furado.
Há algumas casas que estão a venda.Outras estão alugando. Outras eu só tenho o terreno.
Mas hoje, nada importa tanto quanto a casa mais bonita do Coração: a nossa casa, meu amor.
A nossa casa , sobrado, com mesinha de centro, e um sofá bem confortável.
A nossa casa, cercada de árvores de pomar, piscina pros teus churrascos, parquinho para Lorraine.
A nossa casa, meu amor, aquela que eu invento todo dia uma historia nova pra ela.
Estamos construindo ela aqui no Coração, pra no futuro, se nós permitirmos, ela seja passada pro condomínio la no Sul onde é frio e da pra acender a lareira e tomar um vinho francês .

3 comentários:

Mariana ^^ disse...

adorei o texto, Mary!!!
^^!

Melanie Brown disse...

Me fez lembrar Cássia Eller: "E de que me adianta tanta mobilia se voce não está comigo, só é possível, te amar" No Recreio

Beijossssssss'

Emili disse...

Lindo, muito lindo!
É maravilhoso qdo construimos com ótima estrutura essa casa e principalmente qdo é com alguém que coloca os braços e o coração com dedicação nessa construção.